11 de abr de 2018

Segup divulga estado de saúde de agentes feridos em rebelião que resultou em 21 mortes

Segup divulga estado de saúde de agentes feridos em rebelião que resultou em 21 mortes (Foto: Divulgação/Susipe)Foram divulgados na noite desta terça-feira (10) o estado de saúde dos quatro agentes penitenciários atingidos durante uma tentativa de resgate no Centro de Recuperação Penitenciário do Pará 3 (CRPP 3), no Complexo de Santa Isabel, Região Metropolitana de Belém.
A Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (Segup) informou que o agente Edson Oliveira foi atendido na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da cidade de Castanhal e já foi liberado.
Enquanto isso, os agentes Ewerton Martins, Daniel Rodrigues e Robson Nazareno foram transferidos para o Hospital Metropolitano de Belém, sendo que o agente Robson está passando por cirurgia. Já o agente Silber da Silva foi transferido para um hospital particular; o estado de saúde dele é considerado estável.
No entanto, o desfecho dessa história não foi favorável para o agente Guardiano Santana, de 57 anos, que morreu no local durante a troca de tiros.
TENTATIVA DE FUGA
O CRPP III foi alvo de uma tentativa de resgate de presos na tarde desta terça-feira (10), no Complexo de Santa Izabel, Região Metropolitana de Belém. Durante a ação, agentes penitenciários foram feitos reféns e houve intensa troca de tiros, chegando a 21 o número de mortos nesta terça-feira (10).
Entre as vítimas, um agente prisional teve o óbito confirmado pela Segup. Na tentativa de resgate, foram utilizados explosivos contra um dos muros do solário do Pavilhão C. O combate entre policiais e detentos durou mais de duas horas no local.
Segundo a Susipe, a ação foi realizada de maneira coordenada. Um grupo de presos iniciou o motim dentro do presídio, enquanto criminosos tentavam fazer o resgate dos detentos pelo lado de fora do complexo, que fica às margens da rodovia BR-316.
ARMAS APREENDIDAS
Sete armas, sendo dois fuzis, três pistolas e dois revólveres, além de um cartucho com munições, foram apreendidos com o bando que tentou invadir a casa penal. A Segup disse ainda que irá investigar a entrada de armas na unidade, além das circunstâncias das trocas de tiros durante a tentativa de resgate de presos.
O delegado Rodrigo Leão, diretor da Seccional de Santa Izabel do Pará, está com equipe policial acompanhando a situação, além de duas equipes da Divisão de Homicídios e uma da Divisão de Repressão ao Crime Organizado (DRCO).
(DOL)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contador

Este blog possui atualmente:
Comentários em Artigos!
Widget UsuárioCompulsivo