2 de out de 2018

Outubro Rosa, um Toque pela Vida

Nenhum texto alternativo automático disponível.O câncer de mama é o tipo de câncer mais comum entre as mulheres no mundo e no Brasil, podendo também atingir homens, mas apenas 1% dos casos da doença correspondem a eles.
Uma pesquisa do Instituto Nacional de Câncer (Inca) divulgada no dia 6 de outubro aponta que, em 66,2% dos casos de câncer de mama, é a própria mulher quem detecta os primeiros sinais da doença.
O estudo foi feito pelo Núcleo de Pesquisa Epidemiológica da Divisão de Pesquisa Populacional do Inca, que entrevistou 405 mulheres que procuraram atendimento devido a câncer de mama pela primeira vez entre junho de 2013 e outubro de 2014 no Rio de Janeiro.
Os principais sinais notados por essas mulheres foram a presença de um caroço, dor na mama, alterações na pele da mama, alterações no mamilo, saída de secreção do mamilo e alteração no formato da mama.
O autoexame é muito importante para que a mulher conheça bem o seu corpo e perceba com facilidade qualquer alteração nas mamas e assim procure rapidamente um médico. Vale lembrar que o autoexame não substitui exames como mamografia, ultrassom, ressonância magnética e biopsia, que podem definir o tipo de câncer e a localização dele.
A realização anual da mamografia para mulheres a partir de 40 anos é importante para que o câncer seja diagnosticado precocemente, aumentando assim a chance de cura em 95%.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contador

Este blog possui atualmente:
Comentários em Artigos!
Widget UsuárioCompulsivo