8 de mar de 2019

Maranhense é morta com dez facadas na cidade de Manaus-AM


A vítima, que é natural de Davinópolis, no Maranhão, foi morta com 10 facadas, na tarde da última
terça-feira (5). O suspeito de ter praticado o crime é Jefferson da Silva Pinto, de 25 anos, que era companheiro de Stefane.

Segundo testemunhas, a jovem teria sido morta após uma discussão com o companheiro, por causa da chave da residência que havia sumido. Uma testemunha afirma que Jefferson da Silva estava ingerindo bebida alcoólica na casa da irmã dele, em frente à quitinete em que ele e Stefane Rocha moravam.

Ainda de acordo com testemunhas, quando voltou para casa embriagado, Stefane teria impedido Jefferson de entrar na quitinete, obrigando o companheiro a dormir do lado de fora do imóvel.

Quando Jefferson acordou, ele entrou na casa e começou a agredir a jovem dentro do quarto,perguntando para Stefane sobre o paradeiro da chave do imóvel. A jovem disse que não sabia e afirmou ao companheiro que iria sair de casa. Revoltado, Jefferson pegou uma faca e desferiu vários golpes na jovem.

Stefane Rocha foi atingida por 10 facadas, a maioria dos golpes foi nas costas, tórax e ombro. O corpo de Stefane foi encontrado pela irmã de Jefferson, o qual fugiu do local após o crime.

Stefane Rocha Chaves e Jefferson da Silva Pinto moravam em Davinópolis, região Sul do Maranhão, e se mudaram há algum tempo para a cidade de Manaus, no Estado do Amazonas.

Stefane, que não tinha parentes em Manaus, deixou uma filha de um ano e quatro meses, fruto do relacionamento com Jefferson.

O corpo de Stefane Rocha chegou na cidade de Davinópolis nessa quarta-feira (6), para ser velado e enterrado pela família.


Já Jefferson da Silva, que seria integrante de facção criminosa e tem passagem pela polícia, continua foragido.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contador

Este blog possui atualmente:
Comentários em Artigos!
Widget UsuárioCompulsivo