1 de abr. de 2024

Mulher assassinada a tiros em Codó estava grávida; advogado explica todos os detalhes do duplo homicídio

 

Mulher assassinada em Codó.
O exame cadavérico realizado pelo Instituto Médico Legal (IML) na jovem Carleane da Silva Alves, de 23 anos, revelou que ela estava grávida de cinco meses no momento de sua morte brutal em um ataque a tiros ocorrido em Codó. A jornalista Emanuela Carvalho confirmou a informação.

Além de Carleane da Silva, outro indivíduo, identificado como Rafael Gomes Nascimento, de 29 anos, também perdeu a vida no mesmo crime, que ocorreu na madrugada desta segunda-feira (1º) na Rua Frei Henrique Coimbra, na região da Trizidela, em Codó. As duas vítimas estavam dentro de um veículo quando foram alvejadas múltiplas vezes (relembre).

A polícia militar relatou que um terceiro indivíduo, Marcos Aurélio da Silva, de 28 anos, companheiro de Carleane, também foi atingido durante o ataque. Apesar dos ferimentos, ele não buscou atendimento médico e estava sendo procurado pelas autoridades policiais. Horas mais tarde, Marcos Aurélio buscou atendimento médico, por volta das 10h30, apresentando ferimentos na cabeça e braço. 

Seu advogado revelou que ele vinha sofrendo ameaças de morte desde que deixou o sistema penitenciário, onde cumpriu pena por tráfico de drogas. Marcos Aurélio estava sendo alvo de ameaças por parte de membros de facções criminosas e seria o verdadeiro alvo dos agressores. Além disso, Marco Aurélio confirmou que sua esposa estava grávida de cinco meses. O caso continua sob investigação pela 4ª delegacia regional de polícia civil de Codó.

Confira o relato do advogado com todos os detalhes:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contador

Este blog possui atualmente:
Comentários em Artigos!
Widget UsuárioCompulsivo